Baianos se destacam no encerramento da Rio 2016
22/08/2016 16:07 em Paralimpíadas

A baiana Mariene de Castro teve um papel de destaque na festa de encerramento da Olimpíada do Rio de Janeiro. Foi ao som da voz dela que a pira foi apagada, dando fim a Rio 2016.

Enquanto a sambista baiana interpretava a música "Pelo tempo que durar", de Marisa Monte e Adriana Calcanhoto, um efeito especial criou uma chuva caindo em cima da pira e extinguindo o fogo olímpico.

A chuva representou as águas tropicais. Logo após, uma grande árvore surgiu no centro da cena, ressaltando um novo começo.

 

Itapuã

Além de Mariene, as Ganhadeiras de Itapuã também fizeram parte da festa. Em um dos momentos mais bonitos do evento, o tradicional grupo de Salvador surgiu no centro do Maracanã ao som de "Mulher rendeira".

Foi uma homenagem à arte manual das mulheres rendeiras, destacando a contribuição da cultura negra na formação do Brasil.

 

 

A Tarde

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!