Google terá que indenizar ator da Globo por vídeo íntimo vazado
16/04/2018 16:55 em TV/Entretenimento

O valor é inferior ao que foi pedido por Rômulo anteriormente, cerca de R$ 250 mil

O ator Rômulo Arantes Neto está prestes a receber um bom dinheiro da Google. Segundo o jornal ‘O Globo’, o desembargador Ferdinaldo Nascimento, da 19ª Câmara Cível do Rio de Janeiro, determinou a condenação da empresa por permitir que um vídeo íntimo do global se masturbando continuasse no ar após ter sido vazado por hackers.

O valor é inferior ao que foi pedido por Rômulo anteriormente. O processo corre desde 2011 e em novembro de 2017, o Google venceu em primeira instância o processo e se livrou de desembolsar R$ 250 mil, quantia requisitada pelo artista na época.

Rômulo pedia que o Google retirasse o vídeo da rede em 24h após o seu vazamento. Em entrevista para a revista ‘Quem’ na época que o vídeo viralizou nas redes sociais, o ator revelou que tudo aconteceu na sua primeira vez em um site de bate-papo sexual e se sentiu envergonhado quando acabou sendo exposto na internet.

“Entrei em um site de bate-papo sexual e na primeira vez, deu merda! Não no dia, um ano depois. Estava gravando quando me ligou um ex-agente falando que tinha um vídeo no qual eu me masturbava. Entrei em desespero. Me senti exposto, burro, ingênuo. Não sabia que alguém pudesse estar gravando e muito menos ser tão maldoso”, contou.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!