Padre baiano é vítima de racismo e fiéis lançam campanha em solidariedade
07/06/2017 15:59 em Bahia

Em forma de solidariedade, diversos fiéis católicos se uniram em campanha contra o racismo nesta semana. Isto porque, o padre Gilmar Assis, transferido para a cidade de Serra Preta há cerca de três meses, foi vítima de injúria racial em áudios que circulam pelo WhatsApp. 

Diante da atitude preconceituosa, moradores do município e de Feira de Santana, onde o sacerdote trabalhou por seis anos, lançaram a hashtag #SomosTodosPadreGilmar.

 

Através de nota, a Prefeitura de Serra Preta também repudiou as ofensas proferidas contra o líder católico: “Prestando apoio e solidariedade ao Padre Gilmar, que tem desempenhado seu papel com o máximo de dedicação e responsabilidade para com os fiéis católicos de Serra Preta”, consta o texto.

 

VN

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE
Para ouvir nossa rádio, baixe o aplicativo RadiosNet para celulares e tablets com Android ou iPhone/iPads.